20 de nov de 2010

De onde veio o guardanapo?

Quem de nós dispensaria um guardanapo na hora de degustar uma bela macarronada ou um delicioso sorvete? Tão útil pra nós, esse simples pedaço de papel (ou de tecido) nem sempre fez parte do cotidiano das pessoas e elas tinham que se virar como podiam...

Hoje, além dos guardanapos comuns, existe uma grande diversidade de cores, estampas e texturas, que possibilita uma utilização bastante variada. Com um pouco de criatividade, eles enfeitam ambientes e são usados em várias técnicas de artesanato.

O jornalista Márcio Cotrim explica como surgiu a palavra "guardanapo".
Ela vem do francês garde, guarda, protege; e nappe, toalha de mesa. Em sua origem, designava a toalhinha colocada sob o prato, com a função de proteger a toalha, de muito mais valor. A peça era usada para limpar os lábios e assoar o nariz - nessa ordem, bem entendido. Antes dela, cães e coelhos - acredite - serviam para limpar as mãos dos comensais, já que, como não havia talheres, comia-se com elas. Aliás, também as mangas das roupas serviam para limpar os lábios, veja você como foi útil aparecer o guardanapo...
Caros leitores, se alguém desconhecia a palavra comensais, o significado é: "aqueles que comem juntos (geralmente à mesma mesa)."

Até a próxima!

7 de nov de 2010

Presidenta?

Dias atrás, recebi um e-mail com o título “Presidente ou Presidenta?”, explicando que a forma terminada em “a” seria incorreta. E agora, Dona Dilma? Estaria Vossa Excelência utilizando uma palavra que não existe na língua portuguesa?

Caros leitores, embora o termo seja pra lá de esquisito, sempre achei que pudesse ser usado. Mas certeza, mesmo, eu não tinha. Resolvi consultar os acadêmicos por meio da fonte mais confiável de todas: o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa. Nele consta: presidenta – substantivo feminino. E quanto ao significado, o dicionário Aurélio não deixa dúvidas: mulher que exerce função de presidente.

A polêmica sobre o assunto ganhou espaço até no noticiário “global”. Vejam:



Sendo assim, cada um pode escolher a forma preferida, sabendo que as duas são corretas.

Abraços!