30 de abr de 2011

Pensamento do dia


“Não se pode esperar resultados diferentes fazendo as coisas da mesma forma”.

(Albert Einstein)

22 de abr de 2011

“Qual é a sua graça?”

Caros leitores, a criatividade de alguns pais na hora de dar nome aos filhos não tem limite. O problema é que essas escolhas, na maioria das vezes, causam constrangimento e até gozação. Exemplo disso são os nomes que resultam da junção de outros, como Janierica, Glorivaldo, Venceslina e Lauradina (jornal O Tempo -16/11/2008). E o que dizer dos pais que registraram a filha com o nome de Madeusa, inspirados na etiqueta “Made in USA” de uma roupa? Isso sem falar nas “Raimundas” e “Bráulios” que, embora não sejam inéditos, acabaram virando motivo de piada.

Mas ninguém precisa carregar esse desconforto para sempre. Ao completar 18 anos, a pessoa pode solicitar a mudança do nome, desde que haja fundamentação para isso.

Vejam a seguir alguns casos de pessoas que têm nomes bastante incomuns, mas dizem não se incomodar com isso e até gostam da originalidade. A matéria foi ao ar no último domingo, no programa do Faustão.


Abraços!

18 de abr de 2011

A palavra é: RESSABIADO

Caros leitores, nasci no interior de Minas e cresci ouvindo termos bastante pitorescos, alguns dos quais acabaram se perdendo no tempo. Só pra exemplificar, dizíamos que a casa tinha alpendre (uma espécie de varanda coberta) e que a criança levou uma coça (surra) da mãe. Meu pai, quando queria tirar um cochilo, dizia que ia passar por uma madorna. E por aí vai... O interessante é que essas palavras, meio esquisitas, são corretas e constam no dicionário. Vejam agora a definição de uma palavra comum na nossa linguagem cotidiana: ressabiado.
‘Entre outras editorias, o termo ressabiado pode ser encontrado facilmente na seção de Economia de qualquer jornal. Os próprios economistas costumam usar expressões como 'mercado ressabiado' ou 'investidor ressabiado'. Na editoria de Esportes também é comum aparecer a palavra: “Ressabiado, Corinthians propõe contrato com Adriano até dezembro” foi manchete do IG Esportes de 17/03/2011. O termo é sinônimo de 'assustadiço', 'desconfiado'.

Definições:

1. Assustadiço, desconfiado;

2. Desgostoso, melindrado, ofendido: "E como nem daquele humano convívio tirava calor, parecia um bicho ressabiado a caminhar de casa para a loja e da loja para casa." (Miguel Torga, Não venha mais...);

3. Que ressabia, que se torna rançoso (manteiga ressabiada).

[Part. de ressabiar.]’
Fonte: www.aulete.com.br (Palavra do dia)

Até a próxima!

3 de abr de 2011

A ortografia a serviço da justiça

Caros leitores, aconteceu um fato curioso em São Bernardo do Campo (SP) no fim do ano passado. Um carro roubado foi recuperado graças a um erro ortográfico na placa do veículo: faltava um "r" no nome da cidade. O descuido chamou a atenção dos policiais e acabou custando caro aos meliantes...


Para ver a notícia na íntegra cliquem em:

http://www.hojeemdia.com.br/cmlink/hoje-em-dia/noticias/brasil/erro-de-grafia-em-placa-clonada-entrega-suspeito-em-sp-1.200921

Abraços!